Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Alunos do curso de pré-incubação apresentam pitch de negócio
Início do conteúdo da página

Alunos do curso de pré-incubação apresentam pitch de negócio

Publicado: Quinta, 05 de Julho de 2018, 14h45 | Última atualização em Quinta, 05 de Julho de 2018, 14h51
imagem sem descrição.

Os alunos do curso de Pré-incubação Modalidade Residência do Núcleo Incubador do campus São Mateus, no dia 04 de julho, apresentaram o Pitch de Negócio para uma banca avaliadora. A banca de avaliação dos empreendimentos foi composta pelo coordenador do Núcleo Carlos Augusto Balla, os servidores Genésio Moreira Filho, Douglas Ruy Soprani da Silveira Araujo, Marcia Rezende de Oliveira, Nágila de Fatima Rabelo Morais, Huarley Pratte Lemke e Maíra Pestana Barbosa, além do Diretor Geral do campus Aloísio Ramos da Paixão.

Com a missão de contribuir com a ampliação da cultura empreendedora na comunidade acadêmica, a pré-incubadora dá suporte e cria condições para que ideias inovadoras tornem-se oportunidades de negócio, além de preparar os discentes incubados para o mercado de trabalho, como profissionais com postura e visão empreendedoras.


Os empreendimentos apresentados foram:


• Máquina Transferidora de Imagem, por Marcelo Anceschi Pirola;
• Sensor de Carga Veicular, por Victor Magalhães Cosme;
• Centro Sócio Cultural e Ambiental Vale do Cricaré, por Rosemary Nobre Pinheiro.


Erika Kawakami Vasconcelos, bolsista da incubadora, relata a importância da pré-Incubação de empreendimentos. “O curso surge com o intuito de oferecer um conjunto de atividades tais como capacitação, assessorias, orientações nas áreas de gestão e tecnológica, além de infraestrutura, de forma a apoiar novos empreendedores no desenvolvimento de ideias com posterior geração de produtos, processos ou modelo de negócio com vistas à transformá­-los em um empreendimento apto aos processos seletivos de incubação”.


O servidor Huarley Lemke considerou este um momento importante na vida dos pré-incubados. “Percebe-se a evolução empreendedora dos discentes desde o último curso, buscando transformar as suas ideias em negócios promissores. É uma oportunidade ímpar de trabalhar estes projetos ainda não totalmente maduros, em busca da modelagem mais adequada para o mercado”.

registrado em:
Fim do conteúdo da página