Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Ifes decreta luto oficial pelo falecimento do professor Sidnei Quezada

Publicado: Quarta, 13 de Janeiro de 2021, 18h30 | Última atualização em Quarta, 13 de Janeiro de 2021, 18h30

Sidnei foi o líder da implantação do primeiro mestrado profissional e do primeiro doutorado do Ifes. Colegas e alunos lamentaram a perda.

O Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes) decretou luto oficial de três dias pelo falecimento do professor Sidnei Quezada Meireles Leite. Sidnei foi um dos criadores e era o coordenador do Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (Educimat), o primeiro mestrado profissional a ser implantado no Ifes, em 2011. Em 2019, o Educimat se tornou o primeiro doutorado da instituição, numa iniciativa liderada pelo professor.

Graduado em Química e doutor em Engenharia Química, Sidnei foi professor no Centro Federal de Educação Tecnológica de Química do Rio de Janeiro, onde ajudou a fundar o Curso Técnico em Farmácia e esteve à frente da Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação. Em 2009, se transferiu para o Ifes. Ele tinha 54 anos de idade e ministrava diversas disciplinas na instituição, com destaque para "Ciência, Tencologia, Sociedade e Ambiente (CTSA)".

Servidores e alunos da instituição lamentaram a perda, destacando a dedicação, a competência e a generosidade do professor. “O professor Sidnei deixa um legado importante para toda a comunidade acadêmica do Ifes, fica nosso sentimento de gratidão e de orgulho por ter convivido com alguém que veio com a missão de transformar vidas por meio da educação. Pesquisador incansável em diferentes frentes, mas em especial, pelo combate às desigualdades”, afirmou o reitor do Ifes, Jadir Pela.

“Era uma pessoa muito generosa. Eu observava a preocupação que ele tinha em alimentar o sonho dos nossos alunos, dessas pessoas que querem transformar a realidade e entendem a importância da educação na mudança de vida para um futuro melhor. Ele sempre foi um incentivador, sempre buscava ajudar, nunca falava ‘não’ para um aluno. Um grande profissional, um grande pesquisador, um grande cidadão”, relembrou o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação do Ifes, André Romero.

“A madrugada inteira foi de alunos lamentando essa notícia tão triste. O Sidnei fez da educação a vida dele. Ia a campo junto com os alunos, era um pesquisador incansável. Como era querido por todo mundo! Ele fez a diferença na luta pelo reconhecimento da ciência e pelo combate à desigualdade. O grupo de professores está sem palavras, nada que dissermos será suficiente”, comentou a diretora-executiva do Ifes, Danielli Sonderman, que foi colega de Sidnei no Educimat.

Os estudantes fizeram uma página na internet para reunir homenagens ao professor. A Sociedade Brasileira de Química, da qual o professor fazia parte, divulgou nota de pesar pelo falecimento, destacando a sua importante trajetória na pesquisa. O Campus Vila Velha, ao qual o Educimat estava vinculado, também manifestou seu pesar. A Secretaria de Estado da Educação divulgou uma nota lamentando o falecimento de Sidnei.

Sepultamento

O sepultamento será no Cemitério de Maruípe, em Vitória, amanhã (14/01/2021), às 9h. O velório será na capela do mesmo cemitério a partir das 8h.

Mensagem

Leia abaixo a mensagem do reitor do Ifes, Jadir Pela, sobre a perda do professor Sidnei Quezada:

Foi com imensa tristeza que recebemos a notícia do falecimento do Prof. Dr. Sidnei Quezada, na noite do dia 12 de janeiro de 2021. Toda a comunidade acadêmica encontra-se de luto. Sidnei foi o grande interlocutor para alavancar a pós-graduação stricto sensu no Ifes, por meio do Programa Educimat.

Profissional generoso em compartilhar conhecimentos, incansável na luta pela Educação e pelos direitos humanos. Era querido e admirado por seus colegas e pelos estudantes, em especial seus orientandos, além de reconhecido por suas aulas de campo. Sua última realização foi a aprovação do primeiro doutorado do Ifes.

A comunidade acadêmica ainda não encontra palavras para demonstrar toda sua gratidão e reconhecimento a este ser humano incrível e grande profissional que perdemos. 

Abaixo, fotos da comemoração da aprovação do primeiro doutorado do Ifes, em dezembro de 2019:

Doutorado educimat

Doutorado educimat aprovacao

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do Ifes (Reitoria)

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página